quinta-feira, 29 de outubro de 2009

O dia é de festa!

O Agrupamento de Escolas de D. Fernando II faz hoje anos!
.
Neste 41º aniversário, celebramos a existência de uma comunidade educativa que se orgulha do caminho feito.
Aos companheiros de viagem de ontem e de hoje, alunos, professores, funcionários, pais e encarregados de educação, que connosco partilharam alegrias, desafios, sonhos e também tristezas e desânimos, obrigada!
E não bastara uma festa, junta-se-lhe este ano outra! A inauguração oficial da Biblioteca Escolar e Centro de Recursos! A BECRE é um sonho sonhado (perdoem a repetição) por muitos e que é hoje realidade.
.
Repito hoje as palavras que aqui registei quando se iniciou a requalificação deste espaço e que continuam a fazer sentido.

"... dei comigo a pensar que, tal como um bebé renova a vida e traz a esperança de que tudo vai (re)começar, também a nossa Biblioteca vem dar início a uma nova vida!
Tal como se fora um bebé, a família e os amigos terão de cuidar desta BE com dedicação.
Tal como um bebé, a BE vai ensaiar os primeiros passos confiante que tem por perto quem a sustente.
Tal como um bebé, a BE quer crescer saudável.
Preparemo-nos pois para o desafio de acompanhar a BECRE e permitir que ela seja tudo o que pode ser."

Disse Jacques Bossuet que " No Egipto, as bibliotecas eram chamadas tesouro dos remédios da alma. De facto, é nelas que se cura a ignorância, a mais perigosa das enfermidades e a origem de todas as outras."

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Dia Mundial das Nações Unidas

A Organização das Nações Unidas (ONU) foi fundada oficialmente a 24 de Outubro de 1945 em São Francisco, Califórnia, por 51 países, logo após o fim da Segunda Guerra Mundial. A primeira Assembleia Geral celebrou-se a 10 de Janeiro de 1946, em Londres, sendo a sua sede actual na cidade de Nova Iorque.
A ONU tem actualmente representação de quase duas centenas de estados-membros e um dos seus feitos mais destacáveis é a proclamação da Declaração Universal dos Direitos Humanos, em 1948.
São objectivos da ONU:
- manter a paz e a segurança internacionais;
- desenvolver relações de amizade entre os Estados;
- realizar a cooperação com vista à resolução de problemas internacionais de carácter económico, social, cultural ou humanitário e com vista à promoção do respeito pelos direitos do homem e pelas liberdades fundamentais, sem distinção de raça, sexo, língua ou religião;
- ser uma sede destinada a harmonizar a acção dos Estados para a prossecução destes objectivos comuns.
.
Portugal nas Nações Unidas
.
- Foi admitido na ONU em 14 de Dezembro de 1955.
- Foi eleito membro do Conselho de Segurança para o período de 1979-80.
- Em 1995, Freitas do Amaral foi eleito Presidente da Assembleia Geral o português.
- Entre 1 de Janeiro de 1997 e 31 de Dezembro de 1998, Portugal foi membro do Conselho de Segurança.

III Conferência Internacional do Plano Nacional de Leitura

Terminou hoje a III Conferência Internacional do Plano Nacional de Leitura que decorreu na Fundação Calouste Gulbenkian. Foram dois dias de apresentação de estudos , de testemunho de experiências que comprovam que o PNL, porque foi bem semeado, cresceu, floresceu e está a dar fruto! A avaliação do PNL apresentada no final veio confirmar que estamos a trilhar o caminho certo.
Querer foi, neste caso, poder, e ler é poder!

sábado, 17 de outubro de 2009

Dia Mundial Contra a Pobreza e a Exclusão Social

"A miséria é obra dos homens. Só os homens a podem destruir."
.
São palavras de Joseph Wresinski, padre que dedicou a sua vida a combater a pobreza, afirmando que "Onde os homens estão condenados a viver na miséria, aí os Direitos Humanos são violados. Unir-se para os fazer respeitar é um dever sagrado."
No dia 17 de Outubro de 1987, mais de cem mil pessoas, correspondendo ao apelo lançado pelo Padre Joseph Wresinski, reuniram-se no Adro das Liberdades e dos Direitos do Homem, no Trocadéro, em Paris. Aí, exprimiram solenemente a necessidade de se unirem para que o respeito dos Direitos Fundamentais se tornasse uma realidade universal.
Este acontecimento deu origem à celebração do dia 17 de Outubro como Jornada Mundial para a Erradicação da Pobreza, tendo, em 1992, as Nações Unidas reconhecido oficialmente este dia, dando-lhe uma dimensão universal.
O Padre Joseph morreu a 14 de Fevereiro de 1988, permanecendo vivos os seus ideias de restituição dos Direitos Inalienáveis aos mais pobres.
.
2010 será o Ano Europeu do Combate à Pobreza e à Exclusão Social.
O Banco Mundial define a pobreza extrema como viver com menos de 1 dólar por dia e pobreza moderada como viver com entre 1 e 2 dólares por dia. Estima-se que 1 bilião e 100 milhões de pessoas, a nível mundial, tenham níveis de consumo inferiores a 1 dólar por dia e que 2 biliões e 700 milhões tenham um nível inferior a 2 dólares.



Vamos acabar com isto!

• Todos os anos cerca de 18 milhões de pessoas (50 mil por dia) morrem por razões relacionadas com a pobreza, sendo a maioria mulheres e crianças.
• Todos os anos cerca de 11 milhões de crianças morrem antes de completarem 5 anos.
• 1 bilião e 100 milhões de pessoas, cerca de 1/6 da humanidade, vive com menos de 1 dólar por dia.
• Mais de 800 milhões de pessoas estão subnutridas

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Dia Mundial da Alimentação

Dia Mundial da Alimentação 2009

"Alcançar a Segurança Alimentar em Época de Crise" é o tema escolhido pela FAO (Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação) para 2009. Com ele, a FAO pretende que reflictamos sobre a insegurança alimentar vivida no planeta.
É urgente que esta reflexão se traduza em acção imediata com vista à protecção dos mais vulneráveis e ao aumento do investimento na agricultura (a crise dos preços do petróleo, da alta dos preços dos alimentos e a crise económico-financeira atingem de forma bastante acentuada a agricultura familiar, onde trabalham e vivem cerca de 70% dos que passam fome e desnutridos do mundo).
A nível mundial existem muitos recursos naturais e alimentares, mas as deficiências na produção e a falta de tecnologias nos países menos desenvolvidos levaram milhões de pessoas a um estado de subnutrição ou expostas à insegurança alimentar, como também aos problemas causados principalmente pela falta de acesso a uma boa alimentação.
Este ano, a FAO estima que a fome atingirá um novo recorde histórico: 1,020 mil milhões de pessoas em todo o mundo, o que corresponde a uma em cada seis pessoas no planeta.

Objectivos do Dia Mundial da Alimentação:
• Promover uma maior atenção à produção agrícola em todos os países e um maior esforço nacional, bilateral, multilateral e não governamental para este fim;
• Estimular a cooperação económica e técnica entre países em desenvolvimento;
• Promover a participação das populações rurais, especialmente das mulheres e dos grupos menos privilegiados, nas decisões e actividades que afectam as suas condições de vida;
• Aumentar a consciência pública sobre a natureza do problema da fome no mundo;
• Promover a transferência de tecnologias para os países em vias de desenvolvimento;
• Fomentar ainda mais o sentido de solidariedade nacional e internacional na luta contra a fome, a desnutrição e a pobreza e destacar os êxitos em matéria de desenvolvimento alimentar e agrícola.

domingo, 11 de outubro de 2009

A voz dos sem voz

A cantora argentina Mercedes Sosa morreu no passado dia 4 de Outubro. "La Negra", assim chamada devido ao seu cabelo preto e à tez morena, foi igualmente apelidada de "voz dos sem voz ", tendo sempre lutado pelos direitos dos mais pobres e pela liberdade política.
A sua versão da música “Gracias a la Vida”, de Violeta Parra, tornou-se um hino para os esquerdistas de todo o mundo, nas décadas de 1970 e 1980, quando foi forçada a exilar-se na Europa e os seus discos foram banidos.
O seu último álbum, Cantora (volumes 1 e 2), uma colaboração com artistas como Shakira, Caetano Veloso, Joan Manuel Serrat e Jorge Drexler, foi um dos dez mais vendidos do ano e ganhou várias nomeações para os Grammys Latinos, que serão atribuídos no próximo mês.Durante a sua carreira, Sosa recebeu ainda uma série de galardões que lhe reconheceram a luta em prol dos direitos humanos, incluindo um Grammy Latino e um prémio da UNESCO.Há já vários anos que Mercedes Sosa se debatia com problemas de saúde, mas nunca quis largar a música. Em 2001 deu uma entrevista em que disse: “Não sou nova nem bonita, mas tenho a minha voz e a minha alma que me sai quando canto”.



Descobri Mercedes Sosa nas aulas de Educação Musical do Luís Filipe. Ao lado da Maria, aprendi com ela e com ele.

Mês Internacional da Biblioteca escolar

Desde 2007 que, por decisão da IASL (International Association of School Librarianship), Outubro é o Mês Internacional da Biblioteca Escolar.
.
O tema aglutinador deste ano é “School Libraries: The Big Picture”.

A Rede de Bibliotecas Escolares decidiu, por sua vez, que a última segunda-feira do mês, dia 26, será o dia em que as actividades a realizar pelas bibliotecas escolares encontrarão a sua principal expressão.

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Nobel da Paz 2009

O nome de Barack Obama não constava da lista dos possíveis laureados, daí a surpresa que acolheu a sua nomeação, justificada pela Academia por ser um " homem que se esforça muito por unir os povos", pretendendo desta forma distinguir o «extraordinário esforço» do senhor Yes, we can! no «fortalecimento da diplomacia» e para a cooperação internacional. “Enquanto presidente, Obama criou um clima diplomático multilateral e recentrou o papel da Nações Unidas. Ele privilegia o dialogo e as negociações para resolver os conflitos mais difíceis”.

Recordemos, entre muitas outras, algumas personalidades ímpares que o antecederam, e que, tal como ele, foram e são determinantes na construção de um mundo melhor:
- Madre Teresa Calcutá, em 1979, pela luta contra a pobreza na Índia;
- Nelson Mandela e Frederik de Klerk, em 1993, pelo seu trabalho pelo fim pacífico do regime do apartheid e por estabelecerem os princípios para uma nova África do Sul democrática;
- D. Ximenes Belo e Ramos-Horta, em 1996, pelo seu trabalho conducente a uma solução justa e pacífica para o conflito em Timor-Leste.

Nobel da Literatura 2009

"A minha escrita sempre tratou de como uma ditadura surge, de como pode ocorrer uma situação em que um punhado de pessoas poderosas dominam um país, o país desaparece, e só resta um Estado (...) Acho que a literatura sempre emerge de coisas que fizeram dano a alguém, e há um tipo de literatura em que os autores não escolhem o seu assunto, mas lidam com um que lhes foi lançado - não sou a única escritora assim."
São palavras de Herta Müller, a vencedora do Prémio Nobel da Literatura de 2009.
Desta escritora nascida na Roménia mas a viver na Alemanha desde 1987, o júri destacou a obra "com a concentração da poesia e a franqueza da prosa, que descreve a paisagem dos excluídos".
Müller é autora de livros como “O homem é um grande faisão sobre a terra”, editado em Portugal pela Cotovia, e “A terra das ameixas verdes”, publicado a nível nacional pela Difel.

O Prémio Nobel da Literatura é entregue anualmente desde 1901. Entre os escritores que já venceram o prêmio estão Thomas Mann, Herman Hesse, Ernest Hemingway, Samuel Beckett, Gabriel García Márquez, José Saramago (em 1998) e J.M. Le Clézio,em 2008.

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Dia Mundial do Professor

Há escolas que são gaiolas e há escolas que são asas.
Escolas que são gaiolas existem para que os pássaros desaprendam a arte do vôo.
Pássaros engaiolados são pássaros sob controle.
Engaiolados, o seu dono pode levá-los para onde quiser.
Pássaros engaiolados sempre têm um dono.
Deixaram de ser pássaros. Porque a essência dos pássaros é o vôo.
Escolas que são asas não amam pássaros engaiolados.
O que elas amam são pássaros em vôo.
Existem para dar aos pássaros coragem para voar.
Ensinar o vôo, isso elas não podem fazer, porque o vôo já nasce dentro dos pássaros.
O vôo não pode ser ensinado. Só pode ser encorajado.

Rubem Alves

Saibamos e possamos nós, professores, abrir a gaiola e encorajar o voo!

domingo, 4 de outubro de 2009

Dia Mundial dos Animais

São de carne e osso, sentem fome, sentem sede, sentem frio, sentem dor, dedicam-se a nós de uma forma ímpar ... merecem, por isso, respeito e afecto. E o afecto não combina com caprichos nem com modas!
Se querem muito, muito, muito, ter um animal que fique sempre bebé e bonitinho, que não faça "porcaria", que não estrague nada, que não incomode, que não complique as férias, que não..., podem sempre satisfazer o vosso desejo: comprem um de loiça! Viverão felizes para sempre e pouparão sofrimento a um ser vivo!

Aviso para quem visitar a minha casa

1. Seja bem-vindo.
2. Lembre-se de que os cachorros vivem aqui. Você não.
3. Se você não quer pêlos de cachorros em suas roupas, fique longe dos móveis.
4. Sim, os cachorros têm hábitos desagradáveis. Eu também, assim como você. E daí?!
5. Claro que eles cheiram a cachorros. Já percebeu como nós, humanos, cheiramos ao final de um dia de trabalho? Coloque-se no lugar de alguém que tem um olfacto 400 vezes mais sensível que o seu e que o recebe sempre com explosões de carinho no retorno ao lar.
6. É da natureza deles tentar cheirar você. Por favor, sinta-se à vontade para cheirá-los também.
7. Se existisse algum risco dos cachorros o morderem, eu não os deixaria aproximar –se de você. Porém, não posso impedi-los de responder a agressões, as quais podem ocorrer até em pensamento, seja para com eles, seja para comigo a quem devotam fidelidade. Os cachorros percebem, tenha a certeza.
8. Você já tentou beijar alguém e recebeu em troca um empurrão? Se um cachorro tentar lambê-lo é porque aprova a sua presença e quer demonstrar isso carinhosamente a você; e lembre-se de que cachorros não mentem nem fingem.
9. Aqui, cachorros recebem devidos cuidados veterinários, alimentação sadia e cuidados higiénicos. Sua companhia é altamente recomendada pelos médicos, e a maioria das doenças que contraímos ao longo da vida com certeza nos são transmitidas por outros humanos.
10. Há diversas situações nas quais os cachorros são preferíveis a pessoas. Afinal de contas, sempre podemos confiar inteiramente em sua fidelidade e sinceridade.
11. Para alguns, eles são simples cachorros. Para mim, são filhos adoptivos que andam de quatro e não falam tão claramente. Eu não tenho problema em nenhum desses pontos. E você?
12. Volte sempre que quiser, pois será bem-vindo. Até pelos cachorros. Eles são mais sensíveis que nós, bastando se aproximarem para distinguir com clareza verdadeiros amigos de pessoas falsas.

Autor desconhecido

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Dia Mundial do Idoso

Les vieux
.
Les vieux ne parlent plus ou alors seulement parfois du bout des yeux
Même riches ils sont pauvres, ils n'ont plus d'illusions et n'ont qu'un cœur pour deux
Chez eux ça sent le thym, le propre, la lavande et le verbe d'antan
Que l'on vive à Paris on vit tous en province quand on vit trop longtemps
Est-ce d'avoir trop ri que leur voix se lézarde quand ils parlent d'hier
Et d'avoir trop pleuré que des larmes encore leur perlent aux paupières ?
Et s'ils tremblent un peu est-ce de voir vieillir la pendule d'argent
Qui ronronne au salon, qui dit oui qui dit non, qui dit : je vous attends ?

Les vieux ne rêvent plus, leurs livres s'ensommeillent, leurs pianos sont fermés
Le petit chat est mort, le muscat du dimanche ne les fait plus chanter
Les vieux ne bougent plus, leurs gestes ont trop de rides, leur monde est trop petit
Du lit à la fenêtre, puis du lit au fauteuil et puis du lit au lit
Et s'ils sortent encore bras dessus, bras dessous, tout habillés de raide
C'est pour suivre au soleil l'enterrement d'un plus vieux, l'enterrement d'une plus laide
Et le temps d'un sanglot, oublier toute une heure la pendule d'argent
Qui ronronne au salon, qui dit oui qui dit non, et puis qui les attend

Les vieux ne meurent pas, ils s'endorment un jour et dorment trop longtemps
Ils se tiennent la main, ils ont peur de se perdre et se perdent pourtant
Et l'autre reste là, le meilleur ou le pire, le doux ou le sévère
Cela n'importe pas, celui des deux qui reste se retrouve en enfer
Vous le verrez peut-être, vous la verrez parfois en pluie et en chagrin
Traverser le présent en s'excusant déjà de n'être pas plus loin
Et fuir devant vous une dernière fois la pendule d'argent
Qui ronronne au salon, qui dit oui qui dit non, qui leur dit : je t'attends
Qui ronronne au salon, qui dit oui qui dit non et puis qui nous attend.

Jacques Brel

Dia Mundial da Música

Um belíssimo texto escrito por quem sabe do que fala.
.
"2 milhões de história humana desenvolveram olhos com pálpebras, mas ouvidos sempre abertos. É o primeiro dos sentidos que desenvolvemos, pois ao 3.º mês de concepção já o bebé tem o seu aparelho auditivo acabado. É pelos ouvidos que tomamos o primeiro contacto com o mundo exterior, e é pelos ouvidos que se conhecem pai e mãe com as vozes que inundam o caldo do ventre materno. A poesia dos sons embala-nos desde o berço, amniótico ou de palhinha, seja por caixas de música electrónicas, ou pela voz emocionada de mães e avós.
Não importa procurar definir o que é, porque para cada um de nós a Música é sempre alguma coisa. Diferente dum esquimó para um filarmónico português, é certo, mas permitindo a comunicação entre cristão e muçulmanos, africanos e americanos, profissionais e amadores, crianças e avós. Mesmo em povos para os quais não existe a palavra Música, e são muitos, tal é o lugar indissociável que tem nas funções que lhes dão o nome, estrutura muitos dos rituais comunitários e atravessa todo o sistema educativo. Porquê educar pela e com a Música? Platão, muito antes de qualquer técnica de marketing ou investigação musicoterapeutica, responde de forma simples: Porque a Música penetra mais fundo na alma humana.
Porque muito antes de os homens organizarem os sons, os sons organizaram os homens.
Hoje, não deixe de ouvir um tema musical que lhe seja particularmente querido. Mas não o faça colocando o CD e lendo o jornal ou fazendo o jantar. Sente-se só para ouvir. E se tiver coragem, o melhor mesmo é cantar uma canção. Para si ou para quem lhe estiver mais próximo."

in Opinião, de Paulo Lameiro
Eu vou sentar-me para ouvir.